Rita Espalhafatosa



Rita Espalhafatosa

Esta é a Rita espalhafatosa,
A hipopótama desastrosa
Vive quebrando tudo
Arranca grito até o mudo

Quando Rita aparece
É o maior corre-corre,
É aquele esconde-esconde
Sai bicho não sei de onde

A savana agitada
O fuzuê da bicharada
Leão pra cá, Girafa pra lá

Todos embalados a berrar:

Lá vem a Rita Espalhafatosa
Toda grande e escandalosa
Proteja-se como puder
Corra para onde quiser 

Mas um dia Rita ficou quieta
Lá se foi todo o tumulto
Tudo tranquilo e paciente
E nenhum bicho ficou contente

Então, a zebrinha inventou
A música que toda África cantou
Começou bem devagarzinho
E foi tomando cada espacinho

♫ Lá vem a Rita Espalhafatosa
Desajeitada e amorosa
Sacode pra lá e sacode pra cá
Põe a savana para brincar ♫

Débora Araújo

Escritora e Idealizadora do Projeto Abelha

Sejamos Polinizadores! Sejamos Abelhas!

Cultura Arte Respeito Solidariedade Esperança Energia Positiva