A ilha dos crisântemos vermelhos

Há milênios de anos, em uma pequena ilha vivia uma menina com seu pai, um homem jovem e viúvo. Eles moravam em um casarão rodeado de flores deslumbrantes. O pai era muito caprichoso e cuidava pessoalmente de todas as flores, mas dizem que era igualmente ranzinza. Por isso, só era possível vê-lo sorrir quando estava com…

O trato com o Papai

A casa estava um tremendo alvoroço, vieram primos, tios e tias de todos os lugares. Mamãe trocou todas as cortinas, as toalhas e já fazia três dias que não parava de trabalhar. Com a ajuda de Dona Maria José confeccionou roupas novas para mim e meus quatro irmãos. Eu era um menino de sete anos…

A locomotiva

Era uma enorme máquina, uma locomotiva com vagões coloridos e alegres, alguns tinham nomes que eu não conseguia identificar. Quando ouvia  barulho dos trilhos eu me ajeitava na portinhola para espiar. Daí eu corria, corria e nunca a alcançava. Era tão frustrante! Mesmo assim eu não perdia a esperança “um dia eu vou entrar neste…

Volta às aulas

A infância é o período destinado ao desenvolvimento e formação da criança, por isso, requer a atenção, a proteção e o cuidado dos adultos em seu circulo de convivência. Desta forma, a interação e a parceria entre as famílias e os professores aproximam os dois universos em que as crianças estão inseridas – lar e…

Dia do Amigo

A amizade é fundamental na vida de todas as pessoas, é o sentimento recíproco e verdadeiro que nos proporciona momentos de alegria e nos conforta em momentos tristes. A amizade é, acima de tudo, o amor entre pessoas que se identificam, se compreendem, se admiram e independe da idade. Contudo, sua descoberta acontece na infância,…

Machado de Assis, o maior nome da literatura brasileira

Há 178 anos atrás, nasceu Machado de Assis, o maior nome da literatura brasileira. Vamos entender porque ele merece este título? Joaquim Maria Machado de Assis nasceu dia 21 de junho de 1839, na cidade do Rio de Janeiro. O garoto pobre, filho de um operário mestiço chamado Francisco José de Assis e de Maria…

Mais Amor e menos exposição, mais Trabalho e menos likes!

A melhor forma de mostrar solidariedade não é encher as redes sociais com textos de indignação, fomentando ainda mais a revolta e debates sobrecarregados de julgamento e intolerância, independente de qual lado nós estamos, mesmo por que só deveria existir um: o do desenvolvimento de nossa sociedade. Tampouco é dar dinheiro, pois em muitas situações…